Atualize seu cadastro!

Para ter acesso à todos os serviços online, precisamos que seu cadastro esteja atualizado. Clique aqui

Obras para melhoria no abastecimento serão realizadas no Botujuru e Vila Suíssa

22 mar 2021

Obras para melhoria no abastecimento serão realizadas no Botujuru e Vila Suíssa

Bairros atendidos vão de Sabaúna à Vila Oroxó, passando por Botujuru (foto), distrito de Cezar de Souza, Jardim Maricá, Ponte Grande, Jardim Aracy e Itapety

O Serviço Municipal de Águas e Esgotos (Semae) informa a programação de obras de setorização da região leste para a semana de 22 a 26 de março. A autarquia implantará redes no Botujuru e instalará válvulas para melhorias na distribuição de água na Vila Suíssa. A setorização é uma divisão de uma grande área de distribuição em sistemas menores para aperfeiçoar o fornecimento de água, agilizar manutenções e diminuir perdas.

Os bairros são os atendidos pela Estação de Tratamento de Água (ETA) do Socorro, e vão de Sabaúna à Vila Oroxó, passando por Botujuru, todo distrito de Cezar de Souza, Jardim Maricá, Ponte Grande, Jardim Aracy e Itapety, ao longo da margem direita do rio Tietê. O investimento total previsto nas obras de setorização da região leste é de R$ 6,7 milhões.


PROGRAMAÇÃO DE 22 A 26 DE MARÇO:
Segunda-feira (22/03)
Serviço: assentamento de rede na rua Palestina (Botujuru)
Objetivo: regularizar o abastecimento nas imediações da rua Professor Mario Galicho
SEM IMPACTO NO ABASTECIMENTO

Serviço: instalação de válvula de manobra na rua Barão do Rio Branco (Vila Suíssa)
Objetivo: separar as zonas alta e baixa (fica setorizado em duas áreas de abastecimento, deixando-as individualizadas, o que vai possibilitar a operação dos sistemas de forma independente. Na prática, quando houver a necessidade de interrupção no fornecimento de água para reparo em um setor de abastecimento, somente a área onde for realizado o serviço é que ficará sem água, e não mais o bairro todo).
Impacto: pausa no abastecimento na parte alta da Vila Suíssa, das 10h às 11h
Observação: por ser uma pausa curta, quem tem caixa d’água não sentirá os efeitos da paralisação

Terça-feira (23/03)
Serviço: assentamento de rede na rua Palestina (Botujuru)
Objetivo: regularizar o abastecimento nas imediações da rua Professor Mario Galicho
SEM IMPACTO NO ABASTECIMENTO

Serviço: instalação de válvula de manobra na rua Euclides da Cunha (Vila Suíssa)
Objetivo: separar áreas de manobra para diminuir o impacto no abastecimento em caso de manutenção
Impacto: pausa no abastecimento na parte alta da Vila Suíssa, das 11h às 13h
Observação: por ser uma pausa curta, quem tem caixa d’água não sentirá os efeitos da paralisação

Serviço: teste de estanqueidade na rua Euclides da Cunha, zona alta da Vila Suíssa
Objetivo: confirmar separação das zonas alta e baixa
Impacto: pausa no abastecimento na parte alta da Vila Suíssa, das 11h às 14h
Observação: por ser uma pausa curta, quem tem caixa d’água não sentirá os efeitos da paralisação

Quarta-feira (24/03)
Serviço: assentamento de rede na rua Palestina (Botujuru) e recomposição de pavimento
Objetivo: regularizar o abastecimento nas imediações da rua Professor Mario Galicho
SEM IMPACTO NO ABASTECIMENTO

Quinta-feira (25/03)
Serviço: assentamento de rede na rua Concórdia (Botujuru)
Objetivo: regularizar o abastecimento nas imediações da rua Professor Mario Galicho
SEM IMPACTO NO ABASTECIMENTO

Sexta-feira (26/03)
Serviço: assentamento de rede na rua Concórdia (Botujuru)
Objetivo: regularizar o abastecimento nas imediações da rua Professor Mario Galicho
SEM IMPACTO NO ABASTECIMENTO

Observação: a programação está sujeita a mudanças por conta de condições climáticas, ações emergenciais e/ou imprevistos

Hidrante
Além dos serviços de setorização, dando sequência à ação para ampliar a disponibilidade de água em eventuais emergências públicas, como ações do Corpo de Bombeiros, na quinta-feira (25/03), o Semae instalará um hidrante na avenida Pedro Romero, no Rodeio. O serviço exigirá uma pausa no fornecimento de água para o condomínio Bella Cittá e o Jardim Maricá, pelo período de duas horas (das 11h às 13h). Por ser uma pausa curta, quem tem caixa d’água não sentirá os efeitos da paralisação.